TRUE

Latest Posts

TRUE
{fbt_classic_header}

Últimas Notícias:

latest

Destaque TOPO - 970x250 - Colégio Objetivo

"Detran-DF e Sentinela: Uma Jornada de Esperança nos Céus do Distrito Federal"

"Segundo Transporte de Coração do Ano Reforça Compromisso do Detran-DF com a Vida e Solidariedade" Em mais um ato de solidariedade...

"Segundo Transporte de Coração do Ano Reforça Compromisso do Detran-DF com a Vida e Solidariedade"


Em mais um ato de solidariedade e eficiência, a aeronave do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF), conhecida como Sentinela, protagonizou uma emocionante jornada nesta segunda-feira (5), ao realizar o segundo transporte de coração do ano para transplante na capital. Essa operação, que marca a 58ª vez que o Detran-DF disponibiliza sua aeronave para esse propósito nobre desde 2015, reforça o compromisso do órgão em salvar vidas e promover a esperança entre os habitantes do Distrito Federal.


Segundo coração transportado neste ano pela aeronave do Detran-DF foi levado ao Hospital das Forças Armadas (HFA) | Foto: Divulgação/Detran-DF

Na tarde ensolarada, a equipe da Unidade de Operações Aéreas (Uopa) do Detran-DF assumiu mais uma missão crucial, carregando não apenas um órgão, mas também a possibilidade de uma nova vida para alguém que aguardava ansiosamente por um transplante. O coração, proveniente de Campo Grande (MS), chegou à capital federal em uma aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB) e foi entregue com segurança ao Hospital das Forças Armadas (HFA), graças à dedicação e profissionalismo dos pilotos Ricardo de Oliveira Timóteo, Ramon da Silva Chagas e do operador aerotático Fernando Avelar.

Essa importante parceria entre o Detran-DF e a Central Estadual de Transplantes, que já perdura há nove anos, é fundamental para garantir a agilidade e segurança no transporte de órgãos, aspectos essenciais para o sucesso dos transplantes realizados na região. Com 58 corações transportados desde 2015, sendo 11 no ano passado e dois neste ano, o Detran-DF reafirma seu compromisso com a vida e a solidariedade, demonstrando que, além de zelar pela segurança no trânsito, também está engajado em promover a saúde e o bem-estar da população do Distrito Federal.

A aeronave Sentinela, operada pela Unidade de Operações Aéreas (Uopa) do Detran-DF, tem se destacado como um verdadeiro símbolo de esperança nos céus da capital federal. Desde o seu início de operações, em 2015, a equipe do Detran-DF tem desempenhado um papel fundamental no transporte de órgãos para transplantes, proporcionando uma ponte vital entre doadores e receptores, muitas vezes cruzando fronteiras estaduais em busca da vida.

A parceria estabelecida entre o Detran-DF e a Central Estadual de Transplantes é resultado de um esforço conjunto para agilizar e garantir a segurança no transporte de órgãos, essenciais para salvar vidas. Nesses nove anos de colaboração, o Detran-DF já transportou dezenas de corações, rins, fígados e outros órgãos vitais, contribuindo significativamente para o aumento do número de transplantes realizados na região.

O segundo transporte de coração deste ano, realizado nesta segunda-feira, é apenas mais um capítulo dessa história de solidariedade e compromisso com a vida. A aeronave Sentinela decolou sob olhares esperançosos, levando consigo não apenas um órgão, mas também a chance de uma nova vida para alguém que aguardava ansiosamente por essa oportunidade.

O transporte de órgãos realizado pelo Detran-DF é muito mais do que uma simples operação logística; é um ato de amor, empatia e solidariedade que salva vidas e traz esperança para aqueles que lutam contra doenças graves. A cada missão cumprida, a equipe do Detran-DF reafirma seu compromisso com a vida e seu papel fundamental na promoção da saúde e do bem-estar da população do Distrito Federal. Que o Sentinela continue voando alto, levando consigo não apenas órgãos, mas também a esperança de um futuro melhor para todos aqueles que dependem desse gesto de generosidade e compaixão.

O órgão, de Campo Grande (MS), foi transportado pela Força Aérea Brasileira (FAB) e chegou a Brasília por volta das 17h, no Pátio Militar do Aeroporto Internacional. A aeronave Sentinela, composta pelo piloto Ricardo de Oliveira Timóteo, pelo copiloto Ramon da Silva Chagas e pelo operador aerotático Fernando Avelar, fez o traslado entre o Aeroporto e o Hospital das Forças Armadas (HFA).

A parceria entre Detran-DF e a Central Estadual de Transplantes existe há nove anos, garantindo a agilidade necessária para o transporte de órgãos, indispensável ao aproveitamento nos transplantes realizados no Distrito Federal. Desde 2015, foram transportados 58 corações pelo Detran-DF; desses, 11 foram feitos em 2023 e dois neste ano.

*Com informações do Detran

Nenhum comentário

Obrigado por contribuir com seu comentário! Ficamos felizes por ser nosso leitor! Seja muito bem vindo! Acompanhe sempre as nossas notícias! A equipe Tribuna do Brasil agradece!

Oferecimento Tribuna do Brasil & Agência Brasil