Page Nav

Grid

GRID_STYLE

Classic Header

{fbt_classic_header}

Destaques:

latest

Classic Header

BRASIL | POLÍTICA - "CONVERSA AO PÉ DA ORELHA - PODE ISSO AZIZ?!?" Luiz Miranda é acusado de intermediar compra de vacinas.

Acusado de tentar comprar vacina, Miranda vai à CPI e gera tumulto Representante comercial Luiz Paulo Dominguetti divulgou áudio indicando t...

Acusado de tentar comprar vacina, Miranda vai à CPI e gera tumulto

Representante comercial Luiz Paulo Dominguetti divulgou áudio indicando tentativa de intermediação de compra pelo deputado

Senador Omar Aziz com o deputado Luis Miranda

PEDRO FRANÇA/AGÊNCIA SENADO - 01.07.2021

O deputado federal Luis Miranda, acusado pelo representante comercial da empresa Davati Medical Supply, Luiz Paulo Dominguetti Pereira, de tentar intermediar a compra de vacinas, entrou na sessão da CPI da Covid desta quinta-feira (1º) e causou tumulto.

Após a divulgação de um áudio atribuído a Miranda em que ele afirma ter um "comprador e com potencial de pagamento instantâneo" Miranda entrou na sessão e conversou com o presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM) e o relator, Renan Calheiros (MDB-AL).

A presença do deputado causou tumulto e queixas dos senadores governistas Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ), Marcos Rogério (DEM-RO) e Fernando Bezerra (MDB-PE). Este último, líder do governo no Senado, afirmou: "O que é isso? Ele não pode ficar presente na sessão". Os senadores questionaram também se se tratava de uma ameaça. 

Bezerra também pediu que o áudio seja investigado pela Polícia Federal. Na gravação atribuída a Miranda, não fica claro se o deputado se refere ao irmão, Luis Ricardo Miranda, servidor do Ministério da Saúde, como o comprador que estaria interessado na aquisição de vacinas da AstraZeneca.

Luis Ricardo já denunciou ter sofrido pressões atípicas para a compra de outra vacina, a Covaxin, a mais cara entre as negociadas pelo governo e um dos principais eixos de investigação da CPI. O contrato de R$ 1,6 bilhão, suspenso pelo governo, é apurado também pelo Ministério Público Federal.

Panos quentes

Após o tumulto gerado pela presença de Miranda na CPI, Omar Aziz tentou colocar panos quentes e pediu calma aos senadores. Acompanhado de seguranças legislativos, Luis Miranda se retirou da sala da CPI e se dirigiu à Câmara dos Deputados. As críticas não pararam, no entanto, e o senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) pediu à Mesa Diretora que fosse determinada a prisão do deputado.

FONTENOTICIAS.R7.COM

 EDIÇÃOREDAÇÃO DO GRUPO M4 PRODUÇÕES COMUNICAÇÃO E MÍDIA

 *TRIBUNA DO BRASIL

A notícia em primeira mão!

*FIQUE LIGADO NAS NOTÍCIAS!*

Cadastre-se no site para receber um compilado das nossas notícias do dia!

*CURTA A NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK, SIGA-NOS NO INSTAGRAM E TWITTER, COMPARTILHE AS NOSSAS PUBLICAÇÕES E INSCREVA-SE PARA RECEBER DIARIAMENTE OS NOSSOS CONTEÚDOS E NOTÍCIAS.*

 *Facebook* - https://web.facebook.com/tribunadobrasil.tbr/

 *Instagram* - https://www.instagram.com/tribunadobrasil/

 *Twitter* - https://twitter.com/tribunabrasilBR

 *e-Mail*: grupom4.contato@gmail.com

#brasil #brasilia #riodejaneiro #saopaulo #ceara #bahia #minasgerais #riograndedosul #santacatarina #jornalistaandersonmiranda #jornalismo #noticias  #grupom4 #comunicacao #producao #publicidade #tribunadobrasil #tribunadodf #alobrasilia #daquidf #eixonacional #deputadosesenadores #entendercondominio #folhadodf #informaconcurso #jknoticias #jornaldoentorno #maisaguasclaras #opasquimdobrasil #prefeitosevereadores 

 

Nenhum comentário

Obrigado por contribuir com seu comentário! Ficamos felizes por ser nosso leitor! Seja muito bem vindo! Acompanhe sempre as nossas notícias! A equipe Tribuna do Brasil agradece!