Page Nav

HIDE

Latest Posts

TRUE
{fbt_classic_header}

GDF - CAMPANHA AMAMENTAÇÃO

Últimas Notícias:

latest

Destaque TOPO - 970x250 - GRUPO M4

Uma das maiores Big Techs do mundo anuncia a demissão de 12 mil colaboradores

Google anuncia demissão de 12 mil funcionários Setor de tecnologia cortou quase 38 mil vagas de trabalho nos últimos meses Demissões represe...

Google anuncia demissão de 12 mil funcionários

Setor de tecnologia cortou quase 38 mil vagas de trabalho nos últimos meses
Demissões representam 6% do quadro de funcionários do Google | Foto: Reprodução/Unsplash

A Alphabet, dona do Google e do YouTube, anunciou nesta sexta-feira, 20, um plano global para a demissão de 12 mil funcionários. O número representa uma redução de 6% no quadro de funcionários. É o maior corte na história, segundo informações da agência de notícias France-Presse.

A companhia afirmou que os cortes vão ocorrer em todas as unidades e regiões em que a Alphabet atua, mas algumas áreas, como recrutamento e projetos não essenciais, serão mais afetadas.

“Nos últimos dois anos, vimos um período de crescimento dramático. Para conseguir acompanhar esse movimento, fizemos contratações que não condizem com a realidade econômica atual”, disse o diretor-presidente, Sundar Pichai, em carta aos funcionários.

As principais empresas de tecnologia tiveram um crescimento acentuado na pandemia. Agora, as companhias enfrentam a desaceleração da economia mundial.

No início da semana, a Microsoft havia anunciado o corte de 10 mil funcionários. Nos últimos meses, outras grandes empresas, como Amazon e Meta, também demitiram. No total, são quase 38 mil cortes, segundo a plataforma Layoffs.fyi, que monitora as demissões do setor globalmente. Em média, foram 2 mil por dia.

O número é bem superior ao de janeiro de 2022, quando as empresas de tecnologia demitiram 755 colaboradores, ou seja, 25 por dia.

Em conjunto, as big techs perderam quase US$ 5 trilhões em valor de mercado, no ano passado. O montante equivale a quase três vezes o Produto Interno Bruno (PIB) do Brasil em 2021 ou quase seis vezes o capital da Bolsa de Valores brasileira.

Em dezembro de 2021, Apple, Microsoft, Alphabet, Amazon, Tesla, Meta e Netflix valiam aproximadamente US$ 11,3 trilhões. Já em dezembro do ano passado, as companhias somavam pouco mais de US$ de 6,6 trilhões em valor de mercado.

FONTE: REVISTA OESTE | EDIÇÃOTRIBUNA DO BRASIL

Nenhum comentário

Obrigado por contribuir com seu comentário! Ficamos felizes por ser nosso leitor! Seja muito bem vindo! Acompanhe sempre as nossas notícias! A equipe Tribuna do Brasil agradece!

Oferecimento Tribuna do Brasil & Agência Brasil