Page Nav

HIDE

Latest Posts

TRUE
{fbt_classic_header}

DISPONÍVEL

Últimas Notícias:

latest

Scalercio Imobiliária

TBR | Startups precisam vender mais para se manterem ativas

As startups precisam vender mais. E se o atual cenário global aponta para a desvalorização das empresas de tecnologia listadas em bolsa, est...

As startups precisam vender mais. E se o atual cenário global aponta para a desvalorização das empresas de tecnologia listadas em bolsa, estamos no momento preciso para que estas coloquem em prática uma série de ações que podem levá-las a virar este jogo. Abandonar alguns "vícios" e alinhar estratégias são algumas atitudes.

Por Almir Neves

O mercado começou a apontar uma tendência de que muitos valuations em startups privadas estavam realmente inflacionados. Somando-se a isso, o aumento da taxa básica de juros que contribui para que a busca por lugares mais seguros, para investir, devam demonstram um potencial fluxo de dinheiro migrando de investimento de alto risco para operações mais tradicionais e seguras.

Não basta apenas a redução das despesas. Aumentar as receitas é outro caminho a ser adotado pelas startups, mas com cautela e inteligência. Temos aqui um dilema, pois muitas vezes para aumentar o fluxo serão necessários investimentos em várias pontas, mas muitos ciclos de produto e de desenvolvimento deverão ser acelerados para maximizar o resultado comercial, sendo que isso requer planejamento, métodos, processos e tecnologias corretas alinhadas ao talento humano.

O primeiro passo é alinhar as estratégias de mercado e de vendas para maximizar a receita, reduzir o ciclo de vendas, expandir para outros mercados ou buscar canais alternativos de vendas. Sendo assim, foque em soluções que te permitam vender de forma mais organizada, com controle dos dados e visibilidade da informação. Escolha ferramentas de prospecção de vendas e de gestão comercial que permitam aprimorar e maximizar o poder dos dados a favor da execução.

Outro passo está em não deixar as empresas atreladas a investidores, que apontam apenas para as suas startups investidas. Deve ser muito desafiador captar dinheiro para rodadas futuras de investimento, fazendo com seus fundadores tenham que apertados cintos. Esse movimento tem feito startups com alta queima de caixa rever sua operação e infelizmente as demissões começaram a se multiplicar e esse cenário não vai reduzir no curto prazo. É preciso que as empresas comecem a buscar pelo menos o ponto de equilíbrio.

Para estruturar um departamento de vendas, é preciso rever a performance individual de cada membro do time e identificar os gargalos que podem ser trabalhados. As mudanças precisam acontecer de forma rápida, e as adequações imediatamente, para que os resultados apareçam o quanto antes, e não mais somente no médio e longo prazo.

*Almir Neves é fundador da hubkn, empreendedor serial e nos últimos sete anos criou e participou do crescimento de cinco startups. Especialista em Negociação pelo PON (Program on Negotiation) da Universidade de Harvard, tem MBA em Gestão de Empresas pela FGV e especialização em Finanças pela FAE.

EDIÇÃO: REDAÇÃO GRUPO M4

UMA MARCA DO GRUPO

*CURTA A NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK, SIGA-NOS NO INSTAGRAM E TWITTER, COMPARTILHE AS NOSSAS PUBLICAÇÕES*

*Instagram* - https://www.instagram.com/tribunadobrasil/

*Facebook* - https://web.facebook.com/tribunadobrasil.BR/

*Twitter* - https://twitter.com/tribunabrasilBR

*e-Mail*: grupoM4.contato@gmail.com

#brasil #brasilia #riodejaneiro #saopaulo #ceara #bahia #minasgerais #riograndedosul #riograndedonorte #santacatarina #jornalista #andersonmiranda #noticias #grupom4 #comunicacao #producao #publicidade #tribunadobrasil #tribunadodf #alobrasilia #daquidf #eixonacional #deputadosesenadores #prefeitosevereadores #entendercondominio #folhadodf #informaconcurso #jknoticias #jornaldoentorno #maisaguasclaras #opasquimdobrasil #pautanacional  #consultarimoveis #jornalismo

Nenhum comentário

Obrigado por contribuir com seu comentário! Ficamos felizes por ser nosso leitor! Seja muito bem vindo! Acompanhe sempre as nossas notícias! A equipe Tribuna do Brasil agradece!

Oferecimento Tribuna do Brasil & Agência Brasil