Page Nav

Grid

GRID_STYLE

Classic Header

{fbt_classic_header}


 

Destaques:

latest

Classic Header

ESPORTE | UFC - McGregor sofre 1º nocaute da carreira e volta ao UFC com derrota para Poirier.

Conor McGregor foi nocauteado no UFC 257, em Abu DhabiFoto: UFC Instagram/ Reprodução No UFC 257, em seu retorno ao evento de MMA após um an...

Conor McGregor foi nocauteado no UFC 257, em Abu DhabiFoto: UFC Instagram/ Reprodução

No UFC 257, em seu retorno ao evento de MMA após um ano, o irlandês Conor McGregor foi nocauteado pelo peso-leve americano Dustin Poirier neste sábado (23).

O nocaute foi o primeiro na carreira histórica de McGregor e veio no segundo round, depois que o irlandês dominou a luta desde o sino de abertura.

Conor McGregor foi nocauteado no UFC 257, em Abu DhabiFoto: UFC Instagram/ Reprodução

Com a vitória, Poirier surge como um dos nomes mais fortes para desafiar o russo Khabib Nurmagomedov, atuol detentor do cinturão dos peso-leves.

O lutador irlandês Conor McGregorFoto: Instagram/ Reprodução

McGregor, ex-campeão dos peso-leves e penas, não lutava no UFC desde janeiro de 2020, quando venceu o americano Donald Cerrone pelos meio-médios.

Controlando o centro do octógono neste sábado, McGregor acertou alguns golpes fortes com a mão direita, mas viu Poirier se defender bem e acertar uma rajada de golpes para vencê-lo.

O nocaute também silenciou os milhares na multidão torcendo por McGregor. A arena em Abu Dhabi se esvaziou rapidamente assim que a luta acabou.

Poirier, conquistou o título provisório dos leves em 2019, mas perdeu o título após ser superado por Khabib Nurmagomedov no mesmo ano.

Desde então, Nurmagomedov se aposentou e, se não voltar, Poirier deve enfrentar o ex-campeão do Bellator Michael Chandler.

* Com informações de Philip O'Connor, da Reuters


REDAÇÃO TRIBUNA DO BRASIL

Uma marca do Grupo

Nenhum comentário

Obrigado por contribuir com seu comentário! Ficamos felizes por ser nosso leitor! Seja muito bem vindo! Acompanhe sempre as nossas notícias! A equipe Tribuna do Brasil agradece!